terça-feira, novembro 01, 2005

Renovação do CNH - Carteira de Motorista

Minha carta de motorista venceu e até há um mês e meio atrás vigorava o sistema antigo: faz o exame médico ( de vista e ofuscamento) pagam-se as taxas e pronto.

Hoje mudou. Agora tem a prova de primeiros socorros e de direção defensiva a mais. Cada estado do Brasil tem sua política de como aplicar tal prova e a respeito de cobranças. A princípio aqui em SP essas provas seriam aplicadas por instituições particulares vinculadas ao DETRAN. O custo—além do exame médico e da renovação de carta ( cerca de R$65 que continua vigente )—variava de R$80 a R$120 conforme o lugar. Claro, são aulas, onde a aprovação requer somente sua presença "corporal", sem provas, sem testes. Resultado: reclamações. O governador de SP percebendo a encrenca, baixou uma portaria permitindo a realização de um teste para quem optasse por estudar por conta própria, gratuitamente. Nem preciso dizer qual que escolhi. Mas se reprovado teria que pagar. Para isso precisa ir pessoalmente ao Detran ou se inscrever no e-Detran.

Para os autodidatas para a exigência de noções de primeiros socorros e direção defensiva, o Ministério das Cidades e a Fundação Carlos Chagas publicaram cartilhas disponíveis para download. Eu baixei e fiquei lendo. Considerei-os de conteúdo fraco e superficial, mas suficiente, um mínimo necessário.

No dia da prova, por coincidência, meu irmão ( cuja carta venceu há mais tempo ) escolheu o mesmo horário e dia para a prova que fiz. Ele veio aqui em casa para nos visitar, quando citei isso. Jamais imaginei que ele estaria já há um mês rodando na rua com o CNH vencido, atípico dele. Mas como ele anda muito ocupado, aconteceu. Vida de médico.

Chegando no DETRAN, eu estava crente que o teste seria aplicado em um computador, como foi noticiado pela imprensa. Imaginei na época:" que rapidez, já compraram computadores?". Que engano. Chegando no local da prova, vi um aglomerado sentado em cadeiras de braço típicos de faculdades e cursinhos ( hehehe, eu tenho ódio dessas cadeiras ) e do lado mesas típicas para computadores isolados individualmente. E sem computadores. :P
Provavelmente há uma concorrência para a compra deles. E como bem sabemos, vai demorar um tempo para isso ficar pronto.

Começando a prova, vi que as cartilhas que estudei são insuficientes para a prova aplicada no DETRAN aqui da capital. Como elas são de caráter nacional, imaginei, bom, nivelaram para baixo. Não sei como são os níveis deles nos outros locais, mas o daqui estava bem rigoroso, e como disse acima, quem estudou somente as cartilhas sofreu, inclusive eu. Nada impossível claro. Mas considerei exigente demais, até sou a favor disso, afinal precisamos melhorar o nível por aqui, visto o trânsito caótico que existe por aqui. A prova é formada por 30 questões de múltipla escolha.